sábado, 4 de junho de 2011

Bendito Encontro

Um texto sobre alguém? Isso é, se me permite o neologismo, meio novelístico, filmístico ou seriadístico..é tudo, menos algo simples de se fazer. Pessoas não podem ser traduzidas, muito embora elas resultem de traduções de fitas proteicas e outras coisitas mais, que não tenho competência para descrever. Pessoas estão em todos os lugares, o tempo todo, todos os dias, e a gente nem se dá conta. Existem pessoas comuns, fazendo coisas comuns,e elas não nos chamam atenção, não mudam nada dentro da gente, por onde elas passam deixam tudo igual, intacto, como se nunca tivessem existido.
Mas tem gente que marca de alguma forma, que é estranhamente diferente pra você. É alguma coisa que realmente não se explica, e por mais que você seja cético e não queira acreditar,existe mesmo um motivo pelo qual elas aparecem..e você so quer que ela fique pra sempre ali. Não precisa falar muito,nem estar 24 horas grudada em você, so precisa estar ali.. Quando você encontra essas pessoas, parece que todos os clichês sobre amizade se tornam verdadeiros. São aquelas pessoas que conseguem transformar a tempestade que você faz, em algo completamente solucionável e simples,.
E é incrível como essa pessoa se torna importante pra você dentro de alguns meses, e você só quer que ela fique bem, que ela seja feliz, que consiga realizar seus sonhos, vencer suas dificuldades, você quer tanto ajuda-la e vê-la bem, que as vezes se pergunta porque cargas 'dgua não a conheceu antes. Você acaba contando pra elas coisas muito pessoais, muito delicadas e importantes sobre você, e caramba, você nem achava que ela fosse legal assim. Afinal, alguém que não gosta de pipoca, tem horror à barata e um medo constante de ser atropelada pode mesmo ser legal? Bom , parece que pode sim.
É o tipo de pessoa que parece que engoliu um box dos filmes mais loucos de hollywood, porque meu DEUS, ela sempre tem uma solução paradoxalmente simples pra tudo. Com essas pessoas você pode ser muito singelo, muito simples e natural, porque ela não vai te julgar, ou te crucificar e mesmo que você esteja fazendo merda e falando muita besteira, ela simplesmente vai olhar pra você, talvez rir e mandar você parar de ser 'tola'. É o tipo de pessoa que nem imagina o quanto é importante, o quanto é essencial, é o tipo de pessoa que toda vez que você fala com Deus, você faz questão de orar pela vida dela, pra que DEUS a cuide, porque você não pode fazê-lo. É simplesmente o tipo de pessoa que você precisa agradecer todos os dias por estar em sua vida,e de alguma forma fazer parte dela, mesmo que longe, mesmo que participando pouco. E mesmo que conhecendo pouco do que você é, sempre da uma contribuição gigante pra o que você quer ser um dia..mais forte, mais feliz, mais completo..

Michelle é mesmo uma dessas pessoas.

By: Dudinha.


Cara, fiquei muito emocionada em ser adjetivada de tal forma, saber que você parou um tempo pra escrever sobre mim e minha importância em sua vida é muito gratificante; Eu é que agradeço a Deus por ter permitido que eu entrasse na sua vida, espero continuar dando soluções paradoxalmente simples, espero que minhas horas na frente da TV vendo filmes de Hollywood não me desapontem, te quero sempre em minha vida mocinha, muito obrigada pelas lindas palavras *--*


BOM GENTE, TO ANOS SEM APARECER, MAS NAO PODERIA ENCONTRAR UMA OPORTUNIDADE MELHOR DE POST.. MINHA AMIGA LINDA ESCREVEU ESSE MARAVILHOSO TEXTO PRA MIM, ESPERO QUE ESTEJAM BEM E ME DESCULPO POR NAO ESTAR VISITANDO O BLOG DE VCS COM TANTA FREQUENCIA.
Estou a espera de Nil falar o titulo, enquanto isso fica assim.


quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Desabafo

Nao escrevo ha muito tempoo.. E nao sentia razao pra escrever, ate porque nao sao muitas pessoas que conhecem e dao importancia ao meu blog. Provavelmente esse texto vai morfar aqui como o ultimo, mas eu so preciso escrever. Espero que as pessoas que tiverem acesso a ele, realmente se importem.

- Meu Deus, será que pedir por um dia comum é demais?
Sempre perguntando a Deus a razao de tudo acontecer, talvez nossos passos, nossas escolhas possam nos apontar onde tudo comecou a virar de cabeça pra baixo. Em que parte da historia eu tive coragem de me arriscar mesmo que um pouquinho? Por que me sentia segura quando ele estava por perto, mesmo que so pra ser meu amigo, segurar minha mao, me da forças, me censurar e direcionar-me? Quando foi que comecei a perder isso ? E quando foi que as pessoas passaram a se importar com nossa ligação novamente? Sim, está tudo acabado...os contos, a amizade, a segurança e a atenção que ele me dava. A tranquilidade que me passava ao me mostrar aquela musica do Leoni. Ou as gargalhadas que davamos, dos nossos convencimentos e das lembranças de quando eramos mais do que felizes e nao sabiamos. Dessa vez eu deixei ele e ele escolheu me deixar também, eu disse pra ele que era melhor asssim, mesmo sabendo que hoje esse buraco estaria aqui. Aberto. Depois de 1 ano e a dor retorna com a mesma intensidade... Perder quem amamos, é muitooo ruim. Preferia nunca ter conhecido vocÊ menino. Eu nunca teria conhecido o mundo encantado, as cores ou teria amolecido esse coração de pedra, mas pelo menos nao teria que viver com a dor de ter que perder tudo isso. Meu coração está aquii, amando e se desdobrando pra ser feliz. Mas e as cores, o po magico e o encanto? Onde fica essas coisas que eu digo nao precisar ? QUando a falta delas é o que mais me sufoca ? Preciso do palhaço que pinta sorrisos. Preciso de vc, mas como dizem por aí. Não podemos ter tudo. E eu vou ter que aprender a viver sem vc, que era o pouco da minha vida que me fazia aceitar o que tinha, que me fazia pensar que ja tinha tudo. Olha, ainda penso assim, mas pra o meu tudo ficar completo, sem vc não dá. Seja feliz e pinte muitos sorrisos, leve cores e encantos para todos. Mas por favor, nao saia da vida dessas pessoas que não entendem como é bom viver. Porque eu escolhi viver sem vc e apesar de doer é assim que tem que permanecer. Acredite, é a pior dor que um dia pode-se ter. Cuide-se, permita-se e seja feliz.